Google

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

VALE3 - Correção sadia?

Vale parece que respeitou o primeiro suporte em 40,26 no intradiário hoje. Esperar para ver se ela já vai retomar a tendência de alta (por enquanto vou monitorando o indicador Stocástico), pois o gráfico já atende às premissas da estratégia de entrada:
1- A ação está em tendência de alta;
2 - MACD Histogram com queda interrompida. O MACD deve ser maior do que os anteriores (na região negativa, significa que a barra tem tamanho menor). Por enquanto, estão aparentemente com o mesmo tamanho há 3 pregões (comportamento lateral dos candles na semana passada);
3 - Estocástico falta confirmar a compra com o cruzamento de baixo para cima (não antecipar);
4 - Verificar se o gráfico está em regiões de resistências importantes e só entrar após o rompimento da resistência (a resistência mais próxima é em 43,50).

RAIL3 - Stop Acionado

Finalizada minha operação na RAIL3. Conforme havia alertado no post anterior, estava receoso em devolver o movimento de alta e acabei apertando o stop, colocando um pouco abaixo dos 14,00 (fui estopado em 13,80). Houve um lucro razoável na operação iniciada em 18/12/17. Agora é esperar um novo ponto de entrada, pois gosto de manter essa empresa na carteira para diversificar um pouco os setores. assim, ficar de olho no comportamento do gráfico se a cotação cair até a região dos 13,07. Abaixo disso, vamos para os 12,30. Para cima, eu acho que esperaria ela fechar acima dos 14,00. O ruim é a ideia de se comprar acima do valor que vendi, mas faz parte do jogo, afinal é o risco que estou correndo por ter subido o meu stop.


AMAR3 - Stop Loss Acionado

Conforme já havia alertado no post original, a operação das Lojas Marisa sugerida pela corretora não deu certo e acabei sendo stopado na queda da última sexta-feira, quando o gráfico furou a linha dos 7,60. Prejuízo pequeno, mas sempre é chato amargar um desses.


sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

RAIL3 - Parte IV

Continuando o acompanhamento da operação da Rumo (RAIL3), com o bom humor por conta dos acontecimentos (condenação do ex-presidente) o gráfico hoje chegou no primeiro objetivo, que era a resistência de 13,57.

Agora é encurtar os períodos do gráfico para ver se haverá uma correção e sair sem devolver muito os ganhos. Por outro lado, rompendo a resistência (fechando hoje acima dos 13,57 e amanhã continuar acima desse patamar), o novo objetivo pode ser visto no gráfico semanal e chega nos 17,22 (cotação que remete à abril/2015).

Abaixo estão os gráficos diário e semanal, respectivamente.



sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

AMAR3 - Lojas Marisa

Gráfico com indicação de reversão de tendência (facilmente visualizado pelas médias móveis) e fundo confirmado.
Acabei comprando 3 lotes apenas, seguindo a recomendação da minha corretora, mas a cotação está bem em cima de uma resistência que remete à abr/2017 (o que só percebi depois de comprar - falha minha). Rompendo essa resistência, posso até suceder em nova compra (também de 3 lotes).
Os próximos objetivos são 9,04; 9,65 e 10,00.

Se quiser deixar um stop loss curto, pode-se pensar em um pouco abaixo dos 7,80 (a recomendação da corretora foi deixar em 7,61).


GFSA3 - Gafisa - Parte II

Gafisa chega ao primeiro objetivo citado no post anterior (veja aqui). O teste da resistência é visível quando ontem parou exatamente sobre ela e hoje parece que vai recuar. Compra agora só acima dos 20,67 (costumo identificar a entrada somente com formação de um candle acima da linha de resistência) ou caso ocorra uma correção.


quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

ITSA4 - Será uma resistência? - Parte III

Itaú confirmou o rompimento da resistência na segunda-feira (veja o post) e agora está com o caminho livre. A compra foi a 11,50 (apenas 3 lotes). Agora é ficar de olho nos indicadores para sair sem devolver muito os ganhos.
Para saída, acompanho basicamente o cruzamento de cima para baixo do MACD.


Interessante deixar claro de que as estratégias gráfica de entrada e saída dos papéis que venho utilizando traz um certo atraso. Ou seja, a compra ocorrerá após a formação do fundo e a venda ocorrerá após a formação de um topo. Em outras palavras, "a compra ocorre depois que começou a subir e a venda ocorre depois que começou a cair."
Essa noção é importante para que a pessoa já saiba que não terá como lucro ganho mostrado no gráfico acima (por exemplo), caso o papel inicie uma correção. Assim, se a partir de amanhã, se o gráfico começar a cair, tem que ter sangue frio e não lamentar perder o lucro já obtido.

No mercado de ações, não se fala em lucro ou prejuízo se você ainda está comprado, mas somente após liquidar suas posições.

RAIL3 - PARTE III

Gráfico no topo do triângulo. O MACD mostra uma barra maior, o que sugere que devo ficar comprado por mais um tempo. Além disso, podemos verificar que outros indicadores também apontam para manter no trade (como o OBV e o IFR crescentes).


VALE 3 - 2 tempos - 60min e Semanal

O gráfico semanal mostra o longo prazo, onde estamos em uma resistência (antiga) na casa dos 43,50. A cotação nesse nível remete à janeiro de 2011.
Já no curtíssimo prazo, o gráfico de 60min chega sugerir um ponto de entrada pelo indicador estocástico. Nesse timing, as operações ficam mais próximas do daytrade.

Abaixo os gráficos na ordem semanal e de 60 minutos.


segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

GFSA3 - Gafisa

Outro gráfico que mostra que hoje pode culminar com um ponto de entrada. O meu receio é apenas que já foram 2 altas bem consideráveis (mais de 8% em 2 dias). Mas, rodando a estratégia, esse atende:
1- A ação está em tendência de alta (apesar de uma forte correção que teve recentemente que trouxe certa dúvida da MME60) ;
2 - MACD Histogram com queda interrompida. O MACD deve ser maior do que os anteriores (na região negativa, significa que a barra tem tamanho menor);
3 - Estocástico confirmando a compra com o cruzamento de baixo para cima;
4 - Verificar se o gráfico está em regiões de resistências importantes e só entrar após o rompimento da resistência (a resistência mais próxima é em 20,67 - região em que se deve considerar como um objetivo inicial da operação).

O Stop Loss, pode ficar um pouco abaixo dos 15,69 que é um suporte testado bem recentemente.


ITSA4 - Será uma resistência? - Parte II

ITSA4 parece que vai romper a resistência. Ao final do dia de hoje podemos confirmar isso e efetuar uma compra.


Klabin - KLBN11

Klabin se aproxima de um suporte. Pode repicar e inverter a tendência no curto prazo, podendo gerar um ponto de entrada. Agora é acompanhar os indicadores e ver se haverá mesmo essa inversão de tendência. A Média Móvel de 60 dias ainda aponta queda. Com a alta de hoje (por agora) os indicadores Stocástico e IFR começam a se curvar.
Fiquemos de olho.